Tratamento Caseiro Para Espinhas (Acne)

Conheça os melhores Tratamentos Caseiros Para Espinhas (Acne) disponíveis no mercado. Acabe com suas espinhas rapidamente!

Quer acabar com as espinhas, porém está sem grana para investir em medicamentos caros, como a tão poderosa Isotretinoína? Saiba que existem tratamentos caseiros para acne que podem ajudar você a eliminar o problema para sempre. Mas para chegar a um resultado satisfatório é importante que você tenha disciplina e siga as recomendações à risca, não invente tratamentos alternativos ou utilize produtos que não são comprovadamente eficazes. Muitas vezes você acaba piorando o seu problema, ao utilizar um tratamento caseiro para espinhas sem a devida orientação.

Nesse artigo vamos abordar os seguintes tópicos:

O que é a espinha (acne)

Tratamento para Espinhas

Tratamento Caseiro para Espinhas e Acne

Espinhas são um problema sério de saúde, e como tal, devem ser levados a sério pelos pais de quem apresenta esse problema. Jovens  que sofrem com terríveis espinhas, são geralmente introvertidos e poucos sociáveis. Se o problema não for tratado corretamente logo no início, pode afetar psicologicamente o jovem na idade adulta.

 O que é a espinha (acne)

Antes de aprender a tratar as espinhas, você primeiramente deve saber o que é o problema. Só assim buscar um tratamento adequado ao seu caso. Primeiramente a anatomia da nossa pele deve ser compreendida, ela (nossa pele), é repleta de glândulas sebáceas que produzem uma substância oleosa, cuja principal função é lubrificar a pele e seus pelos.  Essa substância é produzida pelas glândulas sebáceas, e eliminada através dos poros da pele.

Tratamento Caseiro Para Acne e espinhas

Camadas da pele

O processo, em seu curso natural, é indispensável para que a saúde de nossa pele se mantenha, porém algumas pessoas possuem um excesso de oleosidade na pele, o que acaba entupindo os poros e ocasionando o aparecimento de cravos e espinhas. Geralmente um poro entupido infeciona, devido às bactérias presentes em nossa pele, e uma lesão com pus surge no local. A lesão provocada por esse processo é chamada de acne.

Existem diversos graus de acne, que vão do mais leve ao mais grave dos casos. Cada grau é tratado de uma forma pelo dermatologista, por isso a consulta com um especialista se faz necessária para avaliação da condição do paciente. Em graus mais leves a acne pode ser tratada com sabonetes especiais e loções, em casos graves é necessário tratamento com medicamentos controlados e também o uso do laser, para controlar a infecção e reduzir as cicatrizes deixadas na pele.

Tratamento para Espinhas

Existem diversos produtos no mercado que prometem realizar o tratamento da acne, porém poucos surgem o efeito esperado pelo paciente. Isso acontece devido à falta de informação sobre o problema. Como mencionado anteriormente, existem diversos graus de acne, e cada um dele deve ser tratado de uma forma diferente. Não adianta usar o popular Antiacnil-3 do Asepxia, se você possui uma grande quantidade de espinhas, o produto pode até ajudar a amenizar o problema porém a cura definitiva só acontecerá com o uso de medicamentos.

Primeiro passo para o tratamento da espinha é procurar um dermatologista de confiança e avaliar a situação de seu caso. O dermatologista pode sugerir, com base na avalição do seu quadro, os seguintes tratamentos:

Reposição mineral – Acne pode ser tratada com a simples reposição mineral em alguns pacientes.

Esfoliação – A esfoliação consiste no lixamento da pele, que inevitavelmente elimina a camada superior da Epiderme. Isso pode ser feito mecanicamente por um especialista durante a dermoabrasão, ou com o uso de sustâncias como o peróxido de benzoíla e ácido salicílico. Seu dermatologista vai indicar o melhor tratamento para seu caso.

Antibióticos – Em casos mais graves o uso de antibióticos, tanto tópicos quanto orais, se faz necessário. Eles atuam matando a bactéria Propionibacterium acnes, que se aloja no orifício do folículo piloso.

Retinóides orais – O melhor tratamento é à base de retinóides como a isotretinoína, durante um período de 6 a 8 meses. Porém seus efeitos colaterais são severos e um acompanhamento médico se faz necessário.

Tratamento Caseiro para Espinhas e Acne

A saída para quem não possui dinheiro para investir no tratamento, ou os pais não levam o problema a sério o suficiente para bancar o tratamento profissional, são as soluções caseiras. Apesar de os resultados só aparecerem aos pacientes com os graus mais leves de acne, o tratamento caseiro pode sim ser empregado para o controle do problema.

Sabonete de enxofre

 Sabonete de enxofre contra espinhas e acne

Esse é o tratamento caseiro mais eficaz, apesar de ser difícil de encontrar nos supermercados, o sabonete de enxofre (ou sabonete sulfuroso), é extremamente eficaz no tratamento das espinhas. Ele ajuda a controlar a oleosidade presente na pele e consequentemente acabar com a acne.

Sua desvantagem é o cheiro desagradável que o sabonete possui, você precisará utilizar o sabonete de enxofre diariamente, e por isso, deve se acostumar com o odor do mesmo. Outra desvantagem é a dificuldade de encontrar o produto, por isso muitas das vezes você deve comprar o produto em lojas virtuais como a loja da Granado.

Antiacnil-3 da Asepxia

Antiacnil-3 é um produto da empresa Asepxia que promete o tratamento caseiro para cravos e espinhas de forma eficaz. Ele utiliza a combinação de dois ácidos, Ácido Salicílico e o Ácido Glicólico, para desobstruir os poros e realizar uma renovação celular. Os resultados são bastante animadores, para quem se pergunta se o Antiacnil-3 funciona, saiba que o produto realmente ajuda a eliminar o problema nos casos mais leves.

Sua desvantagem é que seu preço é alto se comparado com o sabonete de enxofre.

Outros tratamentos caseiros são comuns e listados em diversos sites, porém todos eles podem prejudicar mais que ajudar. Somente as duas soluções apresentadas acima podem ajudar você a eliminar cravos e espinhas, sem a ingestão de medicamentos ou uma consulta regular com um dermatologista.  Nunca siga tutoriais que falam para você passar limão ou outros ácidos em sua pele. Nunca esprema ou cutuque a espinha, não utilize creme dental como tratamento, não passe nenhum produto que possa entupir os poros de sua pele, pois se o fizer, o problema vai piorar.

Seguindo os tratamentos listados acima, seu problema desaparecerá em três ou quatro semanas. Por isso seja persistente.

Atualizado em: 06/09/2013
  • Esta dica foi útil para você?
  • Recomendar
  • Não recomendar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *